As pessoas usam menos carro particular graças ao Uber, diz estudo

wolloko-uber

O que já se suspeitava está se concretizando. De acordo com uma recente pesquisa, as pessoas estão realmente deixando de adquirir automóveis próprios por conta da oferta de serviços de carro como Uber e Cabify.

Um estudo conjunto do Instituto de Pesquisa de Transporte da Universidade de Michigan, da Texas A & M Transportation Institute e da Columbia University de Nova York, todos nos Estados Unidos, indicou que as pessoas tendem a comprar menos veículos e fazer menos viagens com automóveis próprios em cidades atendidas por estes serviços.

A pesquisa foi realizada na cidade de Austin, Texas, onde os aplicativos Uber e Lyft (empresa ligada à General Motors semelhante ao Uber) começaram a funcionar, mas foram obrigados a ficar um ano inativos para ajustes legais. Ambos os aplicativos conseguiram autorização para voltar a operar em maio deste ano.

wolloko-uber2

Aproximadamente 1.200 habitantes da cidade foram entrevistadas. Cerca de 41% delas disseram ter usado o próprio carro para “preencher o vazio deixado por Uber e Lyft”, enquanto 9% delas relataram ter comprado um carro novo para “substituir a ausência do serviço”.

Embora a sondagem tenha sido feita em apenas um local e numa situação específica, o estudo é importante ao quantificar o percentual de pessoas que prefere abdicar do carro particular e dar preferência aos apps. Será que este é o futuro da mobilidade urbana? As pessoas de fato vão se desapegar de ter um carro próprio? Veremos…