Qual é a diferença entre direção elétrica e direção hidráulica?

direcao

 

Tecnicamente, a diferença entre direção elétrica e hidráulica podem ter várias explicações, mas para os braços o conforto é a principal justificativa.

Se você é um pouco mais velho vai lembrar que antigamente grande parte dos automóveis possuíam uma direção um tanto quanto dura e complicada de manusear, principalmente nas manobras para estacionar ou fazer alguma conversão.

Porém, desde os anos 2000 isso mudou e aos poucos os carros com essa características começam a perder espaço para os automóveis com direção hidráulica e, posteriormente, com direção elétrica.

Entretanto, você sabe qual a diferença entre elas? Nós explicamos!

Direção Hidráulica

A direção hidráulica é o sistema de direção mais conhecida pelos motoristas. Ele possui uma bomba que faz circular óleo dentro da caixa de direção, o que deixa o volante bem mais leve, reduzindo o esforço em 80% se comparado com a direção manual.

Quando você realiza uma manobra, por exemplo, o óleo exerce uma pressão como se fossem dois pistões empurrando a direção para um lado e para o outro, facilitando o manuseio. É recomendável que a cada 50 mil quilômetros seja realizada a troca do óleo da direção hidráulica.

Direção Elétrica

Diferentemente do modelo anterior, a direção elétrica possui um sistema independente do motor. Neste caso, o modelo funciona com um motor elétrico no qual é fixado junto à caixa de direção, deixando a direção mais leve.

A grande vantagem da direção elétrica para a hidráulica está na questão econômica. Como não depende do motor do carro, se torna cerca de 5% mais econômica e quase isenta de manutenção. Entretanto, os veículos com direção elétrica apresentam um custo mais elevado.

De fato, existem diferenças no modo como ambas operam no veículo, porém, tanto a direção hidráulica quanto a elétrica são responsáveis por proporcionar ao condutor maior conforto quando estiver à frente do volante.